Skip to main content

Você acredita que seu futuro será melhor que seu passado?

 

A esperança que você terá dias melhores é o que te move para continuar lutando!

 

Um experimento de certa forma assustador e revoltante para nós que amamos animais vem falar um pouco sobre esperança. O pesquisador Curt Richter publicou um artigo em 1957 que demonstrou que ratos que tinham um motivo para lutar tinha mais chance de sobreviver.

A situação experimental era a seguinte: colocar ratos em um recipiente de acrílico cheio de água e ver quanto tempo eles lutavam antes de morrerem afogados. No teste inicial a média foi de 15 minutos. Então ele repetiu o experimento mudando uma condição: na hora que os ratos iam desistir e se afogar, ele os “resgatava”, os alimentava e os deixava se recuperarem. Então os colocava para nadar novamente. Dessa vez ele viu que os ratos lutavam por até 60 horas antes que se afogassem.

Bom, mas o que esse experimento bizarro nos mostra? Que quando há uma esperança que a situação irá melhorar temos mais força para lutar, assim como os ratos que “voltavam a sentir o chão” acreditavam que se continuassem nadando poderiam sair dessa situação adversa.

Essa então é a reflexão que devemos fazer: “o nosso dia de amanhã será melhor que hoje?”. Pelo que tenho visto em muitos veterinários, a resposta a essa pergunta é não. E a chance de se afogar rapidamente aumenta.

Mas se a resposta for “não”, como posso transformar em “sim”? É inegável que as condições externas são desfavoráveis. Por exemplo, a condição econômica do país, ou a desvalorização de nossa classe. Mas o que eu posso fazer que dependa de mim?

Bom, podemos colocar uma situação. Se você trabalha fazendo plantões ao finais de semana e ganha pouco por isso, como você pode fazer para trabalhar em horário comercial? Quanto tempo vai levar para isso? Talvez você possa ter uma segunda atividade que te dê uma remuneração para que não precise fazer esses “sacrifícios”.Com certeza existem muitas formas. Precisamos exercitar nossa criatividade e resiliência.

Para finalizar eu deixo a frase: “quem quer dá um jeito, quem não quer dá uma desculpa”. Protagonismo é isso. Chamar a responsabilidade para si e mudar uma condição desfavorável!

Boa semana!

Leave a Reply